Navigation
Mapa
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

As injunções da indústria cultural nas manifestações orais de experiências de alunos em sala de aula: lucubrações iluminadas por Adorno e Benjamin

Alessandro Eleutério de Oliveira

Veja o Artigo

Resumo

Nosso trabalho objetivou a apreensão e o entendimento das características de narrativas orais de alunos e de alunas observadas nas salas de aula de uma escola pública do interior paulista de Ensino Fundamental regular e de Ensino Médio supletivo. Nesse sentido, utilizamos o referencial teórico obtido a partir de idéias Adorno e Walter Benjamin, correlacionado com uma metodologia de abordagem qualitativa. Por essa razão, usamos os conceitos de Erfahrung, que diz respeito à experiência humana construída pela tradição nas sociedades artesanais e que era transmitida por meio das narrativas orais associadas ao modo de produção pré-capitalista, e de Erlebnis, que se refere à experiência humana moldada pela Indústria Cultural e pelo modo de produção capitalista. A partir dessa premissa teórica, observamos aulas das disciplinas de Língua Portuguesa e História, estratégia metodológica que permitiu a obtenção de exemplos de manifestações orais a partir das quais abstraímos elementos que podem contribuir para a compreensão sobre de que formas as experiências dos sujeitos são constituídas em nosso tempo.

 

 

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2011. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões