Navigation
Mapa
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

Perspectivas de alunos do ensino secundário sobre a interculturalidade e o conhecimento histórico

Júlia Castro

Veja o Artigo

Resumo

As problemáticas que se encontram no cerne da reflexão sobre a Educação Intercultural têm vindo a ser definidas e redefinidas no contexto de um quadro conceptual, no qual se inscrevem diferentes áreas do saber, ligadas às Ciências Sociais e Humanas. Neste sentido, com recorrência encontramos o Conhecimento Histórico com uma das linhas de reflexão dessas problemáticas, constatando-se que a Interculturalidade é uma das questões colocadas com alguma frequência no contexto do Ensino da História. O enfoque da presente investigação centrou-se nas questões da Interculturalidade , considerando o percurso do Pensamento Histórico de Jovens Portugueses. O presente trabalho apresenta alguns dados (uma breve síntese dos dados provenientes de um estudo empírico de natureza descritiva, predominantemente qualitativo) sobre a interconexão entre o travejamento conceptual que emana dos discursos e discussões acerca da Interculturalidade (de onde emergem conceitos como o de Diferença e Diversidade, Relação e Universalidade) e as ideias de alunos acerca da Empatia e Significância em História.

 

 

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2011. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões