Navigation
Mapa
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

Culturas Infantis, Tensões e Negociações entre Adultos e Crianças numa Creche Domiciliar

Ana Cristina Coll Delgado

Veja o Artigo

Resumo

O artigo analisa as culturas infantis, as tensões e negociações entre adultos e crianças de uma creche domiciliar localizada em um bairro popular do município de São Gonçalo/RJ. O referencial teórico abrange estudos da sociologia da infância, gênero e famílias das camadas populares. Nos processos de socialização da creche, compreendi as crianças como sujeitos ativos que produzem práticas e representações a respeito do mundo com o qual interagem. Mas é impossível ignorar os limites do espaço social no qual são socializadas, assim como as tensões e negociações vivenciadas com os adultos. Mesmo com suas culturas de pares interferindo no cotidiano da creche, elas fazem parte de um bairro, de grupos familiares das camadas populares que têm modos de socialização e lógicas muito peculiares ao meio de origem. Embora não tenha encontrado uma proposta pedagógica formalizada no cotidiano, as análises evidenciam a existência de relações educativas entre adultos e crianças, que refletem as expectativas dos familiares com relação a criação dos seus filhos.

 

 

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2011. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões