Navigation
Mapa
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

A Pele da Escrita Acadêmica em Educação: o exercício epistolar como uma conversação

Elisandro Rodrigues e Betina Schuler

Veja o Artigo

Resumo

Este artigo é um ensaio teórico para pensar a escrita acadêmica em educação atravessada por correspondências como outra forma de montagem do pensamento. Retomamos as pesquisas sobre o uso de cartas nas mais variadas áreas do conhecimento, mas sem as reduzir a um gênero textual; consideramos sua potência para pensar a diferença em educação, uma vez que grande parte das escritas acadêmicas nessa área oscilam entre uma perspectiva mais tecnicista ou mais salvacionista. A partir disso, atravessamos a escrita acadêmica em educação por meio de correspondências com o conceito de cuidado de si em Foucault como uma forma de operá-la como uma companhia, uma defesa, uma equipagem de si e do outro, e também como uma abertura ao mundo.

 

 

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2019. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões