Navigation
Mapa
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

Queremos Saber, Queremos Viver: governo do cotidiano no currículo experimental

Lívia de Rezende Cardoso

Veja o Artigo

Resumo

Invenções tecnológicas, biotecnologias, doenças e curas. Entusiasmos, promessas e progressos. Em diferentes épocas e locais, ditos acerca da ciência têm sido divulgados. Neste artigo, analiso tecnologias de subjetivação acionadas em um currículo de aulas experimentais de ciências. Para tanto, foi realizada uma pesquisa de campo em uma escola pública de Belo Horizonte-MG durante um ano. Discuto como, por meio da tecnologia da utilidade, a vida cotidiana é trazida à escola e lida por meio dos saberes científicos. A partir disso, sujeitos são levados a acreditar na imprescindibilidade da ciência e posicionados como sujeito aplicador. Evidencio, por fim, como esses discursos acerca do conhecimento científico circula em nossa sociedade.

 

 

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2017. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões