Navigation
Mapa
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

O Proinfantil e seus impactos na Baixada Fluminense: currículo, identidade e diferenças

Flávia Miller Naethe Motta, Carlos Roberto Carvalho e Isabele Lacerda Queiroz

Veja o Artigo

Resumo

O presente artigo discute a relação entre formação e prática de professores, analisando o Programa de Formação Inicial para Professores em Exercício na Educação Infantil – PROINFANTIL, que ocorreu no município de Nova Iguaçu entre julho de 2009 e julho de 2011. A pesquisa discutiu suas implicações nas práticas dos professores, tendo como foco os discursos nelas produzidos. Nos apoiamos em Bakhtin (1986, 1997, 2008), e seu conceito de linguagem e Benjamin, e a experiência (1994). Esses autores dial consideram o sujeito como um ser da linguagem, da história e da cultura, capaz de transformar o mundo através da experiência social. A metodologia utilizada foi a observação participante, entrevistas e os memoriais de formação. Identificamos categorias de análise que apresentaram tensões entre formação e prática. Para este artigo destacamos a identidade docente. O PROINFANTIL apresentou ambiguidades, ao simultaneamente proporcionar formação de qualidade sem, no entanto permitir que as professoras exercessem o magistério nas instituições em que trabalham. Ao mesmo tempo, o curso possibilitou o desenvolvimento de um olhar mais crítico sobre as práticas e as condições de trabalho.

 

 

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2014. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões