Navigation
Mapa
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

Mídia-Educação no Ensino e o Currículo como Prática Cultural

Monica Fantin

Veja o Artigo

Resumo

Refletir sobre a mídia-educação no ensino significa situar o problema de sua curricularização, uma vez que tal perspectiva pode acontecer de diversas formas: disciplina autônoma, currículo transversal, núcleos temáticos e outras possibilidades ligadas às práticas culturais midiáticas. Em um momento em que se discute a presença e difusão cada vez maior das tecnologias da informação e comunicação na escola, a formação de professores não pode deixar de refletir sobre as possibilidades de mediação educativa que isso implica. Afinal, o acesso à cultura digital propicia diferentes formas de interação das pessoas entre si, com a tecnologia e com a informação configurando outras formas de produção e socialização de conhecimentos. Ao enfatizar a urgência de as escolas e os sistemas educativos prestarem atenção às transformações dos modos de ler, interpretar e produzir cultura propiciado pelas mídias, este texto pretende contribuir com a discussão a respeito do descompasso entre a forte presença das mídias no cotidiano e na cultura das crianças e dos jovens e sua quase ausência na formação de professores e no currículo escolar.

 

 

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2011. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões