Navigation
Mapa
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

Sexualidade: olhares das equipes pedagógicas e diretivas

Suzana da Conceição de Barros, Paula Regina Costa Ribeiro e Raquel Pereira Quadrado

Veja o Artigo

Resumo

Este artigo tem como propósito analisar algumas narrativas das equipes diretivas e pedagógicas sobre o entendimento de suas “atribuições” nas discussões relacionadas à sexualidade no espaço escolar. Para tanto, estabelecemos algumas conexões com os Estudos Culturais nas suas perspectivas pós-estruturalistas, bem como com algumas proposições de Foucault. Como estratégia metodológica, empregamos a investigação narrativa, utilizando como ferramentas para produção dos dados narrativos, entrevistas semiestruturadas e o grupo focal. Analisando as narrativas, evidenciamos que os/s integrantes das equipes diretivas e pedagógicas entendem que devem possibilitar que as discussões relacionadas a essa temática sejam realizadas em suas escolas. No entanto, esses/as profissionais apontam que nas práticas escolares a sexualidade tem sido trabalhada de maneira pontual, sendo que, na maioria das escolas, não está presente oficialmente em projetos escolares.

 

 

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2011. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões