Navigation
Mapa
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

Sujeitos e Práticas Pedagógicas nas Escolas Rurais da Bahia: ações educativas e territórios de formação

Elizeu Clementino de Souza, Fábio Josué Souza dos Santos, Ana Sueli Teixeira de Pinho, Sandra Regina Magalhães de Araújo

Veja o Artigo

Resumo

O texto investiga as relações estabelecidas pelos sujeitos nas suas práticas pedagógicas, em diferentes localidades rurais da Bahia. Esta definição deve-se ao fato de que nesses territórios se concentram os piores indicadores educacionais no Estado. As áreas rurais, devido aos complexos processos de urbanização, foram historicamente colocadas à margem das políticas educacionais, o que contribuiu para que populações rurais não tivessem acesso a um processo educativo que considerasse as especificidades que lhe são peculiares. Assim, a educação oferecida pauta-se, de modo geral, numa lógica urbanocêntrica, cuja prática pedagógica segue uma lógica transplantada das escolas urbanas. A pesquisa foi organizada e sistematizada a partir da parceria entre grupos de pesquisa, que tomam a educação como forma de intervenção social capaz de articular e promover dinamismos locais. Busca compreender as relações estabelecidas pelos sujeitos e suas práticas pedagógicas, em escolas rurais, considerando as ações educativas que se materializam nesses territórios de formação. O que se pretende é compreender como os sujeitos concretos - homens, mulheres, crianças e jovens - que habitam e intervêm nesses territórios, constroem o potencial “aprendente” do lugar. Volta-se para o estudo dos sujeitos, das práticas e das instituições educacionais do/no campo, tomando a escola como lugar de aprendizagem e intervenção social.

 

 

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2011. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões